25 de agosto de 2014

Mineradora Vanádio de Maracás, na Bahia, recebe o mais moderno forno de calcificação do mundo


Peças sendo transportadas para as carretas
O forno de calcinação, equipamento mais importante para o beneficiamento do Vanádio que será instalado na unidade do grupo canadense Largo Resources, mede 90 metros de comprimento e 4,2 de diâmetro interno, e será responsável pelo processamento de 1.060 toneladas de concentrado por dia. O Grupo Omega, que será responsável por organizar o transporte em 5 dias, utilizará 16 carretas para transportar o equipamento da Base Naval de Aratu até Maracás, explica o Diretor-executivo da Vanádio de Maracás, Kurt Menchen, e cada duas carretas com 2 batedores sairão com a distância de 500 m do próximo grupo, tendo cada um com dois batedores. O forno de calcinação tem um revestimento interno de material refratário e é composto por peças produzidas na China, Finlândia, Dinamarca, Alemanha Espanha e Estados Unidos. O Vanádio é um metal utilizado em ligas metálicas de alta resistência (em aço e alumínio). Na maioria das vezes ele é misturado com o ferro ou alumínio, com o objetivo de aumentar a resistência e reduzir o peso. É insumo essencial em instrumentos cirúrgicos, na construção civil, indústrias aeroespacial e aeronáutica, gás e óleo, superestruturas de pontes, túneis, ferrovias, entre outros, propiciando resistência e leveza, sendo sua principal forma de comercialização como liga de ferro-vanádio e como Pentóxido de Vanádio.

Largo

Largo Resources Ltda.

Descrição

Planta de produção de 9.634 ton/ano de pentóxido de Vanádio com área de implantação de 239.700 m², 10.100 m³ de concreto, 23.000 m² de formas, 561.557 ton de armadura, 1.440 ton de estrutura metálica, 235 equipamentos mecânicos (2.600 ton), 158 ton de tubulação, 58 equipamentos elétricos, 253.000 km de cabos de elétrica, 1.814 instrumentos e 35.000 m de cabos de instrumentação. Constitui a primeira planta de pentóxido de vanádio do Brasil.

A Promon foi contratada para executar o projeto básico, projeto de detalhamento, serviços de suprimentos, diligenciamento, inspeção e gerenciamento da obra, e apoio ao comissionamento e operação assistida na implantação da planta
- See more at: http://www.promonengenharia.com.br/pt-br/projetos/Paginas/vanadio-de-maracas.aspx#sthash.qLtbw5Wy.dpuf

Largo

Largo Resources Ltda.

Descrição

Planta de produção de 9.634 ton/ano de pentóxido de Vanádio com área de implantação de 239.700 m², 10.100 m³ de concreto, 23.000 m² de formas, 561.557 ton de armadura, 1.440 ton de estrutura metálica, 235 equipamentos mecânicos (2.600 ton), 158 ton de tubulação, 58 equipamentos elétricos, 253.000 km de cabos de elétrica, 1.814 instrumentos e 35.000 m de cabos de instrumentação. Constitui a primeira planta de pentóxido de vanádio do Brasil.

A Promon foi contratada para executar o projeto básico, projeto de detalhamento, serviços de suprimentos, diligenciamento, inspeção e gerenciamento da obra, e apoio ao comissionamento e operação assistida na implantação da planta.​​
- See more at: http://www.promonengenharia.com.br/pt-br/projetos/Paginas/vanadio-de-maracas.aspx#sthash.qLtbw5Wy.dpuf

Nenhum comentário:
Write comentários

Visualizações

Minhas Páginas

04

04

02

08

03

07

03

03

04

05

05












08

Tradutor

"Play Aperte Aqui"