Mouche marcou o primeiro gol do Palmeiras na vitória sobre o Grêmio © Gazeta Press Mouche marcou o primeiro gol do Palmeiras na vitória sobre o Grêmio O Palmeiras respira cada vez mais aliviado no campeonato Brasileiro. Na noite deste sábado, frente a um bom público no Pacaembu, a equipe paulista superou o Grêmio por 2 a 1 , de virada, e encaixou a terceira vitória consecutiva na primeira divisão. Mouche e João Pedro marcaram para os mandantes. Barcos, de pênalti, fez para os visitantes no jogo válido pela 28ª rodada.
É a segunda vez neste Brasileiro que o time de Dorival Júnior encaixa três triunfos consecutivos. Entre a 4ª e a 6ª rodada, o time superou Goiás, Vitória e Figueirense. Na classificação, a equipe paulista tem agora 34 pontos e ocupa momentaneamente a 11ª posição - depende dos resultados do domingo para permanecer no posto -, cinco pontos acima da degola.
O Grêmio, por outro lado, permanece na quarta colocação, com 46 pontos, mas pode sair do G-4 caso o Atlético-MG consiga vencer o São Paulo neste domingo.
No jogo, o atacante Barcos foi um dos principais personagens da partida. Não apenas por enfrentar o ex-clube. Primeiro, o argentino, capitão gremista, foi o responsável por abrir o placar na segunda etapa. Depois da cobrança de escanteio, a bola pareceu bater no braço de Valdivia, e o árbitro Sandro Meira Ricci apontou o pênalti. O centroavante cobrou e abriu o placar.
Poucos minutos depois, Barcos recebeu o segundo amarelo e foi expulso, em falta claramente cavada por Cristaldo. O cartão vermelho deu um novo fôlego ao Palmeiras. Apenas cinco minutos depois, Riveros fez falta dura em Valdivia. O meia chileno levantou na área, Cristaldo desviou e Mouche, que havia acabado de entrar, conseguiu empurrar para o fundo do gol.
O gol foi um alívio para os palmeirenses. Não apenas pelo empate, mas por ter enfim concluído com êxito uma jogada. Na primeira etapa, o time da casa teve as melhores chances para abrir o placar - as duas mais claras com Cristaldo, que acabou desperdiçando de maneira incrível.
Empurrado por quase 27 mil pagantes no Pacaembu, o time paulista não tardou a conseguir a virada. Aos 29 minutos, João pegou a sobra na entrada da área, ganhou a dividida e, de pé esquerdo - sua perna ruim - chutou em direção ao gol. A bola desviou na zaga gremista e matou o goleiro Tiago: gol e virada.
Com um a mais em campo, o time paulista seguiu com o domínio das ações para vencer pela 10ª vez no campeonato.
O Palmeiras volta a campo pelo Brasileiro no próximo domingo (19/10), quando enfrenta o Santos, às 16h, no Pacaembu. O Grêmio joga no sábado (18/10), às 18h30, contra o Goiás, no Serra Dourada.
 
ESPN