30 de novembro de 2014

Campo magnético da Terra está desestabilizado, diz estudo

O campo magnético da Terra, que funciona como uma espécie de campo de força e possui dois polos, parece estar desestabilizado. As informações são do blog IFL Science. Segundo a publicação, esse campo é gerado pelos movimentos do núcleo de metal líquido, nas camadas profundas do planeta. Ele cria o polo Norte e o polo Sul magnéticos, que são utilizados, pelos seres humanos, para fins de navegação. No entanto, tais polos não são estáticos. Isso porque a corrente magnética faz os polos migrarem cerca de 16 km por ano. Com isso, a cada 450 mil anos, aproximadamente, os polos se invertem. Ou, pelo menos, isso costumava acontecer. De acordo com o blog, uma equipe da Universidade da Califórnia afirmou que a última inversão dos polos aconteceu há cerca de 786 mil anos. Com isso, a Terra estaria registrando um atraso na migração da sua corrente magnética. Segundo as pesquisas, o campo magnético da Terra tem enfraquecido cerca de 5% a cada 10 anos. O motivo para tal enfraquecimento parece ser o aumento da massa presente no núcleo da Terra. Como consequências de um campo magnético desestabilizado, além de problemas na navegação, há a questão ambiental: diversos animais utilizam o campo para organizarem suas migrações e, sem ele, podem entrar em extinção rapidamente, o que poderia desequilibrar todo o ecossistema do planeta. (Terra)

Nenhum comentário:
Write comentários

Visualizações

Minhas Páginas

04

04

02

08

03

07

03

03

04

05

05












08

Tradutor

"Play Aperte Aqui"