5 de dezembro de 2014

Com contrato perto do fim, Marcinho diz que jogaria a Série B pelo Vitória

Vínculo do meia com o Rubro-Negro baiano se encerra no último dia de dezembro

Marcinho; Vitória (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Vitória)
Marcinho diz que jogaria Série B pelo Vitória (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Vitória)

A situação do Vitória em 2014 só será definida na última rodada do Campeonato Brasileiro. Para permanecer na elite do futebol nacional, o time tem que vencer o Santos, em partida a ser realizada neste domingo, no Barradão, e ainda torcer por um tropeço do Palmeiras diante do Atlético-PR, jogo cercado de expectativa e polêmica por causa de uma briga que baianos e paranaenses travam na justiça.

Para um jogador, porém, existe a vontade de permanecer na Toca do Leão independente do resultado de contrato. Com contrato em vigor até o dia 31 de dezembro, Marcinho afirma que não se importaria em jogar a Série B pelo Vitória caso um rebaixamento venha a se confirmar.
 - Meu contrato vai até o dia 31 [de dezembro]. Ainda não fui procurado, e para mim isso não é importante. Se o Vitória tiver interesse, vamos sentar e ver o que é melhor. Disputar a segunda divisão com a camisa do Vitória, para mim, não tem problema nenhum. Eu vim porque achei que era um grande clube, vi a estrutura e confirmou o que eu pensava. É um grande clube que me deu boa estrutura de trabalho – afirma o meia.
O Vitória chega para disputar a última rodada com 38 pontos, na 17ª colocação. Ao longo das 37 rodadas disputadas até aqui, foram dez vitórias, oito empates e 19 derrotas. De posse dos números, não é difícil entender porque o Rubro-Negro baiano tem 72% de chances de ser rebaixado para a Série B.
Difícil mesmo é encontrar um culpado para o fiasco do time na temporada. Para Marcinho, é impossível apontar alguém como único responsável pela situação do Vitoria.
- Se a gente está nessa situação, é claro que as coisas não deram certo. É difícil nomear um culpado. Quem está aqui, quem vestiu essa camisa, tem culpa. Eu tenho a minha parcela de culpa. Não há um culpado. Todos vão ter responsabilidade pelo que acontecer daqui para frente – afirma.
E para os torcedores rubro-negros, Marcinho manda um recado.
- Diante dos últimos resultados, a torcida está receosa. Mas o torcedor apaixonado, que ama o Vitória, vai comparecer, vai acreditar. E é o sentimento que a gente vai levar para dentro de campo. O que vai acontecer nos outros jogos, aí eu não sei. Mas nós vamos lutar até quando o juiz apitar – finaliza.
 Por     Salvador

Nenhum comentário:
Write comentários

Visualizações

Minhas Páginas

04

04

02

08

03

07

03

03

04

05

05












08

Tradutor

"Play Aperte Aqui"