23 de novembro de 2015

Fiscalização na Samarco foi feita a partir de relatórios produzidos pela própria empresa

A fiscalização do empreendimento da Samarco que causou o maior desastre ambiental no país foi praticamente nula, de acordo com Maurício Guetta, advogado do Instituto Socioambiental. Os relatórios foram produzidos dentro de gabinetes de analistas ambientais contratados pela própria empresa e este ano menos de 10 por cento dos recursos federais destinados à segurança e fiscalização das barragens foram utilizados. É preciso capacitar órgãos ambientais em termos de recursos humanos e institucionais para que façam a fiscalização no próprio local dos empreendimentos. Reportagem Marilu Cabañas.

Nenhum comentário:
Write comentários

Visualizações

Minhas Páginas

04

04

02

08

03

07

03

03

04

05

05












08

Tradutor

"Play Aperte Aqui"